FALE COMIGO

Av. Montemagno, 259 - 2° andar Anália Franco, São Paulo - SP
03371-000, Brazil
sharpmalehealth@gmail.com
11   2675-1848
11 9 4087-1005
  • White Instagram Icon

Diretor Técnico: Thiago Ferraz Vieira Pinto

CRM 167123

PROCEDIMENTOS FACIAS

LIMPEZA DE PELE

 

É um procedimento de rotina em que realizamos a higienização da pele de forma profunda. As etapas incluem:

Esfoliação - para remoção do acúmulo de células mortas;

Extração de comedões (cravos) – com o auxílio de vapor de ozônio para abertura de óstios e esterilização da área tratada;

Extração de millium – nesta etapa pode ser necessário o uso de agulhas;

Alta-frequência – para a constrição de óstios, efeito bactericida e anti-inflamatório;

Máscara calmante – minimizar possíveis agressões na pele.

 

O tempo entre uma sessão e outra pode variar de acordo com o seu tipo de pele.

Antes da limpeza de pele pode ser necessário outro procedimento para otimizar a remoção de comedões.

É um procedimento que dura cerca de 1h30.

PEELINGS QUÍMICOS

 

Com os peelings químicos promovemos uma renovação celular, removendo células antigas e estimulando a produção de novas. A aplicação é feita com o uso de ácidos e pode atingir profundidas diferentes. Por serem ácidos variáveis, podem ser recomendados de formas diversificadas, como para uma revitalização e hidratação, antes da limpeza de pele e de procedimentos injetáveis ou para tratamentos específicos, como hipercromias (manchas solares, melasma, olheiras), acne e controle de oleosidade.

 

O tempo entre sessões são de 15 dias ou de acordo com a recuperação da pele.

O tempo de procedimento varia de 30 minutos a 1h.

MICROAGULHAMENTO ELETRÔNICO

 

Outros nomes: Microagulhamento com Smart Derma Pen, IPCA – Indução percutânea de colágeno agulhado.

 

O microagulhamento eletrônico é uma técnica que tem como principal objetivo aumentar a produção de colágeno. São microagulhas que penetram a pele e atingem uma profundidade onde se encontram os fibroblastos (células que produzem colágeno e elastina). Por conta deste trauma seguido de um processo de inflamação e recuperação do tecido são liberados fatores que ativam a produção de colágeno, e consequentemente aumentam a firmeza da pele, reduzindo linhas de expressão, cicatrizes de acne e estrias.

Os microcanais abertos durante o procedimento também podem ser aproveitados para a entrada de substâncias ativas que otimizem os resultados, ou que permitam outros tratamentos como o de hipercromias (melasma, manchas solares). É uma técnica que chamamos de drug delivery, pois desta forma os ativos são levados diretamente no seu sítio de ação e não precisam vencer a barreira cutânea.

 

O desconforto do procedimento é dependente do limiar de cada pessoa e pode variar de acordo com o tratamento selecionado. No entanto, é uma técnica que costuma ser mais bem aceita quando comparada a outras de mesma finalidade.

O tempo do procedimento costuma ser de 1h, considerando os cuidados do protocolo Sharp.

O tempo de recuperação da pele varia de acordo com o tratamento, variando de 15 a 30 dias entre uma e outra sessão.

HIDRATAÇÃO INJETÁVEL

 

Outros nomes: Skinbooster

 

Nesta técnica temos uma recuperação das camadas mais profundas da pele, deixando a pele mais brilhante e saudável. O procedimento é feito com a injeção de ácido hialurônico, um componente que já existe entre nossas células e que não causa reação alérgica, mas que vai sendo perdido ao longo do tempo. Este composto atrai água, melhorando a textura da pele e atenuando algumas linhas de expressão.

Os resultados já são notáveis logo após o procedimento, mas em cerca de 30 dias ficarão ainda melhores.

Por promover um melhor condicionamento da pele, é um ótimo procedimento para quem deseja uma revitalização, rejuvenescimento leve e para que está pensando em aplicar a toxina botulínica e preenchimento.

Não confunda a hidratação injetável com o preenchimento de harmonização facial. Embora o componente também seja o ácido hialurônico, no Skinbooster ele se encontra em um formato para promover hidratação de forma natural, e não causar volumização.

O tempo entre as sessões é de 30 dias.

TOXINA BOTULÍNICA

 

Outros nomes: Botox, Brötox.

 

A toxina botulínica do tipo A é um composto produzido por bactérias, que tem como resultado a inibição do estímulo nervoso no músculo, reduzindo a contração da musculatura na região em que é aplicada. Assim, este procedimento injetável é ideal para atenuar rugas dinâmicas (que aparecem apenas durante a movimentação), e prevenir as rugas estáticas (que aparecem mesmo em repouso) e profundas.

PREENCHIMENTO – ÁCIDO HIALURÔNICO

 

Ao longo do tempo, temos uma perda progressiva de massa óssea, colágeno e depósitos de gordura, que caracterizam nossos contornos faciais.  Com o preenchimento de ácido hialurônico conseguimos recuperar volume em pontos específicos do rosto para um rejuvenescimento ou harmonização facial (Aqui, na verdade, denominamos de ARQUITETURA FACIAL). Os efeitos têm uma média de duração de 9 meses, mas dependendo do condicionamento da pele, pode ser mantido por até 18 anos.

O ácido hialurônico é um componente que encontramos naturalmente entre nossas células, e que promove a atração de água. O preenchimento utiliza uma forma variada e mais resistente do ácido hialurônico, que faz com que sua degradação seja mais lenta e não desencadeie rejeição ao material injetado.

PREENCHIMENTO – ÁCIDO HIALURÔNICO

 

Ao longo do tempo, temos uma perda progressiva de massa óssea, colágeno e depósitos de gordura, que caracterizam nossos contornos faciais.  Com o preenchimento de ácido hialurônico conseguimos recuperar volume em pontos específicos do rosto para um rejuvenescimento ou harmonização facial (Aqui, na verdade, denominamos de ARQUITETURA FACIAL). Os efeitos têm uma média de duração de 9 meses, mas dependendo do condicionamento da pele, pode ser mantido por até 18 anos.

O ácido hialurônico é um componente que encontramos naturalmente entre nossas células, e que promove a atração de água. O preenchimento utiliza uma forma variada e mais resistente do ácido hialurônico, que faz com que sua degradação seja mais lenta e não desencadeie rejeição ao material injetado.